Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

O Tempo a Saudade e o Amor

As sem-razões do amor


Eu te amo porque te amo,
Não precisas ser amante,
e nem sempre sabes sê-lo.
Eu te amo porque te amo.
Amor é estado de graça
e com amor não se paga.


Amor é dado de graça,
é semeado no vento,
na cachoeira, no eclipse.
Amor foge a dicionários
e a regulamentos vários.


Eu te amo porque não amo
bastante ou demais a mim.
Porque amor não se troca,
não se conjuga nem se ama.
Porque amor é amor a nada,
feliz e forte em si mesmo.


Amor é primo da morte,
e da morte vencedor,
por mais que o matem (e matam)
a cada instante de amor.


Carlos Drummond de Andrade








Tentei e tento te esquecer…
mas não consigo
Tentei e tento te esquecer…
mas quando estou contigo
vejo novamente este sorriso de criança
a criança que quer amar e ser amado
Tentei e tento te esquecer…
mas logo que me vejo longe de ti
começo a chorar em vão
Tentei e tento te esquecer…
mas nas noites de chuva
em que fico na janela
imagino nós dois feitos loucos
correndo na grama molhada
Tentei e tento te esquecer…
e acho que vou tentar
por muito tempo sem conseguir
porque a vida é amar
e só vivo porque te amo!
(Cristiane Souza Gomes)



É engraçado quando a pessoa precisa de "tempo" no relacionamento...Será que o amor precisa mesmo de um tempo?...será que quando a gente ama  alguém, não conseguimos perceber o que é melhor?...o tempo pra quem pede, pode ser por vários motivos, reavaliar oq ue realmente quer, tentar sentir saudade e saber se realmente ama...mas o fato, é q geralmente que não pede o tempo, sofre de saudade, dói muito no peito, não se sabe o que está acontecendo, o que está fazendo, por que está fazendo, porque está acontecendo apenas um desespero toma conta da gente, uma vontade de voltar atras e deixar que tudo volte ao que era antes...mas não resta escolha, apenas a esperança de que esse pessadelo acabe logo e tudo volte ao normal. penso eu, porque quem ama precisa de tempo para pensar?...quando o amor existe mesmo, podemos senti-lo em nós, as diferenças podem ser superadas com conversa, pois a confiança é plena, não há motivos para omitir nada, esconder fatos, mentir...etc... quando a gente ama, ficar sozinho dói, a saudade aperta. Negar o amor a quem se ama, causa transtorno...ver que alguém te ama, mas não te fala isso ou se nega a falar, te deixa sem ação...e outro q por mais que tenha cometido algum erro (não me refiro aos imperdoáveis, como traição etc..) dever ser lapidado com o tempo, com amor...ninguém é perfeito e todos devem ser flexíveis para perdoar, ajudar quem se ama melhorar e estar aberto a se melhorar também não existe alguém que nunca tenha errado ninguém pode apontar o dedo a ninguém a unica coisa que se pode fazer, é melhorar, com amor, sem frescura, sem um jogar coisas na cara do outro, apenas olhar para as coisas boas, ver os erros como coisas que podem ser superadas e com certeza com amor pode mesmo...Se não, a vida se torna um buraco sem fundo, onde sempre se vai cair, olhando sempre a sí mesmos, sendo egoístas sem tentar compreender o outro ceder um pouco mas sem ignorar a si mesmo, buscar o equilíbrio entre o dar e receber...assim, nunca será necessário o tempo torturador. O que leva a pessoa pedir isso é quando ela já está cheia de coisas guardadas, normalmente nao cedeu em nada, ou cedeu de mais e não foi correspondido. Ai o outro que ama, mesmo que tenha cometido um erro o qual todos são passiveis de cometer, sofrerá horrores com a distância, e provavelmente já vem sofrendo a tempos com a distância da pessoa presente. causando uma tortura quem ama quer tocar, ter, possuir, poder dar liberdade, confiar, amar, fazer amor, dançar, caminhar, passear, sair com amigos, rir, dividir os problemas, dividir as dívidas, dar o ombro e ter um ombro, ser amigo, namorado, amante, marido/esposa. Claro que ninguém quer torturar ninguém, mas ser torturado e evitar torturar é fácil, basta olhar para o outro como olha a si mesmo. As pessoas não percebem, mas o erro que se aponta nos outros muitas vezes e normalmente (não sempre claro) é cometido pela pessoa que o aponta. Então, basta ser flexível, olhar nossos proprios erros e tentar mudar, ajudar o outro a mudar naquilo que é necessário e assim se evita esse tempo de tortura, que pode levar muito tempo, e pra quem ama...basta um dia para parecer uma eternidade, levar a loucura total, virar uma pessoa de cabeça para baixo, tirar a fome, a vontade de viver, a vida, pois quem ama, vive para amar, vive para si, não esquece de si mesmo e encontra lá dentro a pessoa que ama, não adianta pensar epenas em si mesmo, pois a outra pessoa está lá o tempo todo, não adianta dizer, a quem está assim "Olha, você precisa pensar em você" não tem como, pois quando o amor é verdadeiro, a pessoa amada faz parte de você, ela está no teu corpo, na tua mente o tempo inteiro, são 2 pessoas em uma, por isso que não pode existir egoísmo, pensar nos proprios interesses apenas, pois o amor une as pessoas então elas devem pensar como uma só, sem entrar em conflitos, sem ignorar o que o outro precisa e quer, dar e receber, mudar e ajudar o outro a mudar. Nâo mudar a personalidade, quem tenta fazer isso acaba enlouquecendo e perde a personalidade, é mudar pequenas atitudes que podem trazer desconforto no relacionamento, isso é ser flexível, isso é amar a si mesmo, pois quem ama quer conviver bem com que ama, e não ser flexivel irá trazer sofrimento no mínimo para um dos dois, mas quando se ama, ver o outro sofrer também nos faz sofrer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário